Somos Todos Iguais

     Era uma vez um pequeno planeta chamado Terra. Nesse planeta, toda a gente vivia feliz, mas nem todos eram iguais.

Numa pequena ilha de Portugal, chamada S Miguel vivia um rapaz que se chamava Louis e que era de origem africana. Na escola não havia quem não gozasse com ele, sentia-se só e não havia ninguém que gostasse dele.

Um dia na escola o professor de formação cívica perguntou à turma o que era igualdade. Ninguém respondeu, até que Louis virou-se para o professor e disse:

- A igualdade é quando toda a gente no Mundo é amiga, respeitosa, e quando não se julga a pessoa pelo exterior mas sim pelo interior.

- Obrigado - disse o professor.

No dia seguinte o rapaz não se sentiu bem e foi ao hospital. Passado algum tempo e depois de fazer alguns testes, o médico chegou ao pé dele e da sua família e disse:

- Lamento muito mas o seu filho tem uma doença incurável.

- Só isso? – Pergunta o rapaz – Ao longo da minha vida nunca tive um único amigo, estive sempre só, com todos a gozar comigo e vocêacha que vou me importar com uma doença incurável, quem me dera já ter isso há muito tempo!

O médico ficou comovido com Louis e decidiu ligar a todos os colegas da escola dele, dizendo que era a última vez que o iriam ver.

No dia seguinte veio o resto da família despedir-se, chorando com lágrimas profundas mas Louis continuava a pensar nos seus colegas.

Já passava da hora da escola quando o rapaz adormeceu. De repente entraram os seus colegas na sala de rompante, cada um tinha feito um postal e comprado flores, mas quando olharam para ele repararam que tinham chegado tarde de mais.

Moral: Podemos todos não ser iguais, mas temos todos sentimentos.

 

 

Henrique Vieira nº7 6ºC

publicado por N M às 23:52